Prestação de serviços públicos eficientes e efetivos, com qualidade, talvez seja a principal demanda atual de todo cidadão em face do poder público. Para tanto, é fundamental que a organização da estrutura funcional do município esteja adequada, com servidores suficientes e motivados, procedimentos e rotinas claros, inteligentes e bem estabelecidos, e instrumentos adequados para essa prestação.

As principais ações visadas neste programa para essa frente são:

• Revisar a estrutura de secretarias e de seu delineamento organizacional, visando à efetividade na Gestão Pública com melhor eficiência, reduzindo o número de cargos em comissão, conforme orientação do próprio Tribunal de Contas do Estado;

• Revisar o organograma funcional dos diversos setores da Prefeitura;

• Analisar as principais rotinas de trabalho e propor novas soluções mais ágeis e econômicas;

• Reconstruir o sistema de arrecadação e fiscalização do município;

• Criar programa para recuperação e estímulo à quitação de créditos tributários devidos;

• Elaborar planos de incentivo à melhoria no serviço público, com a criação de índices de efetividade;

• Racionalizar custos e investimentos em ativos, insumos, suprimentos e material de consumo;

• Valorizar servidores públicos, implantando sistemas de reconhecimento de atividades e produção relevantes;

• Investir em sistema de gestão informatizada dos serviços públicos;

• Estimular sistemas de planejamento das atividades de campo dos diversos serviços, visando minimizar custos e maximizar resultados;

• Implantação de um novo Paço Municipal centralizando as principais secretarias e os principais serviços;

• Criação de Coordenadorias ligadas ao gabinete do Prefeito: Mulher, Idoso, Juventude e Pessoas com Deficiências.